Info-bixo

  • Compartilhar
  • Oficina do Estudante no Facebook
  • Oficina do Estudante no Twitter
  • Imprimir Imprimir

Veja a concorrência no Vestibular Unicamp 2017

20 de Setembro de 2016

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) divulgou na tarde desta segunda-feira, 19 de setembro, a concorrência do Vestibular 2017. Por mais um ano, Medicina permanece como o curso mais disputado da seleção, totalizando 221 candidatos por vaga.


Confira a concorrência



Arquitetura e Urbanismo aparece na sequência com 96,3 candidatos por oportunidade. Em terceiro lugar está Comunicação Social - Midialogia, cujo curso registrou 47 vestibulandos por vaga.

Os cursos de Ciências Biológicas (43/vaga), Engenharia Civil (34,6/oportunidade), Engenharia Química (33,3/vaga), História (30,2/oportunidade), Engenharia de Produção (28,3/vaga), Ciências Econômicas (27,7/oportunidade) e Odontologia (27,5/vaga) completam as dez carreiras mais concorridas do Vestibular 2017.

Esta edição do Vestibular oferece 3.320 vagas em 70 opções de cursos superiores gratuitos.

Queda nos inscritos

O Vestibular 2017 apresentou uma queda no número de inscritos em relação à última edição. Este ano, a instituição registrou 73 mil inscrições contra 77,7 mil do Processo Seletivo 2016.

A participação do Vestibular 2017 se assemelha aos 73,8 mil inscritos no Processo Seletivo 2015. Não foi desta vez que a Unicamp conseguiu bater o recorde de inscrições da última edição.

Cotas

Houve um crescimento no número de inscritos cotistas. A participação de estudantes de escolas públicas subiu de 28,2% para 30,2%, contando com 22.165 inscrições no Vestibular 2017. Já entre pretos, pardos e indígenas, o aumento foi de 19,4% para 20,3%.

Seleção

A Unicamp acrescentou as cidades de Botucatu, Bragança Paulista, Marília e Registro ao roteiro da seleção. Elas passam a receber as provas junto com os municípios de Araçatuba, Avaré, Bauru, Brasília, Campinas, Franca, Guaratinguetá, Guarulhos, Jundiaí, Limeira, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Sumaré.

A primeira fase será realizada em 20 de novembro e contará com 90 questões objetivas de conhecimentos gerais. Já a segunda etapa será aplicada entre 15 e 17 de janeiro, a qual será composta por provas discursivas e uma redação.

Habilidades Específicas

Candidatos ao curso de Música contam com as provas específicas antecipadas, as quais serão aplicadas entre 9 e 10 de outubro. Os demais cursos passam por esta etapa entre 23 e 26 de janeiro.

Resultado

O resultado será publicado em 13 de fevereiro. Outras duas chamadas serão publicadas em 17 e 21 de fevereiro. Já o mês de março conta com sete convocações, as quais serão liberadas nos dias 8, 10, 14, 16, 20, 27 e 29.

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) divulgou na tarde desta segunda-feira, 19 de setembro, a concorrência do Vestibular 2017. Por mais um ano, Medicina permanece como o curso mais disputado da seleção, totalizando 221 candidatos por vaga.


Confira a concorrência



Arquitetura e Urbanismo aparece na sequência com 96,3 candidatos por oportunidade. Em terceiro lugar está Comunicação Social - Midialogia, cujo curso registrou 47 vestibulandos por vaga.

Os cursos de Ciências Biológicas (43/vaga), Engenharia Civil (34,6/oportunidade), Engenharia Química (33,3/vaga), História (30,2/oportunidade), Engenharia de Produção (28,3/vaga), Ciências Econômicas (27,7/oportunidade) e Odontologia (27,5/vaga) completam as dez carreiras mais concorridas do Vestibular 2017.

Esta edição do Vestibular oferece 3.320 vagas em 70 opções de cursos superiores gratuitos.

Queda nos inscritos

O Vestibular 2017 apresentou uma queda no número de inscritos em relação à última edição. Este ano, a instituição registrou 73 mil inscrições contra 77,7 mil do Processo Seletivo 2016.

A participação do Vestibular 2017 se assemelha aos 73,8 mil inscritos no Processo Seletivo 2015. Não foi desta vez que a Unicamp conseguiu bater o recorde de inscrições da última edição.

Cotas

Houve um crescimento no número de inscritos cotistas. A participação de estudantes de escolas públicas subiu de 28,2% para 30,2%, contando com 22.165 inscrições no Vestibular 2017. Já entre pretos, pardos e indígenas, o aumento foi de 19,4% para 20,3%.

Seleção

A Unicamp acrescentou as cidades de Botucatu, Bragança Paulista, Marília e Registro ao roteiro da seleção. Elas passam a receber as provas junto com os municípios de Araçatuba, Avaré, Bauru, Brasília, Campinas, Franca, Guaratinguetá, Guarulhos, Jundiaí, Limeira, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Sumaré.

A primeira fase será realizada em 20 de novembro e contará com 90 questões objetivas de conhecimentos gerais. Já a segunda etapa será aplicada entre 15 e 17 de janeiro, a qual será composta por provas discursivas e uma redação.

Habilidades Específicas

Candidatos ao curso de Música contam com as provas específicas antecipadas, as quais serão aplicadas entre 9 e 10 de outubro. Os demais cursos passam por esta etapa entre 23 e 26 de janeiro.

Resultado

O resultado será publicado em 13 de fevereiro. Outras duas chamadas serão publicadas em 17 e 21 de fevereiro. Já o mês de março conta com sete convocações, as quais serão liberadas nos dias 8, 10, 14, 16, 20, 27 e 29.