Info-bixo

  • Compartilhar
  • Oficina do Estudante no Facebook
  • Oficina do Estudante no Twitter
  • Imprimir Imprimir

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO JÁ TEM DATA PARA ENEM 2014

15 de Abril de 2014

O Ministério da Educação (MEC) já tem data para a próxima edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem): dias 8 e 9 de novembro de 2014.

Instituições de ensino onde as provas devem ser aplicadas já estão recebendo consulta para cessão de espaço nesta data. Oficialmente o MEC informou que o calendário ainda não está pronto.

Na ano passado, 7,1 milhões de estudantes inscreveram-se no Enem. Em 2009, o exame passou por uma grande reforma e deixou de ser apenas uma avaliação do ensino médio. Desde então, o exame é adotado como seleção de praticamente todas as universidades e institutos federais, além de ser critério para bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) e do Financiamento Estudantil (Fies). As notas do Enem também servem como certificação do ensino médio e para participação do programa Ciência sem Fronteiras.

Normalmente o Enem é realizado em outubro, mas por causa das eleições de 2014 sua realização foi adiada – o que já aconteceu nos outros anos. O governo não cogita fazer a aplicação antes das votações por dois motivos: seria muito difícil organizar um exame gigantesco como o Enem em menos tempo e não seria prudente correr o risco de, às vésperas do pleito eleitoral, gerenciar alguma falha na organização do exame. O histórico do Enem registra falhas graves nas três primeiras edições, de 2009 a 2011.

O Ministério da Educação (MEC) já tem data para a próxima edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem): dias 8 e 9 de novembro de 2014.

Instituições de ensino onde as provas devem ser aplicadas já estão recebendo consulta para cessão de espaço nesta data. Oficialmente o MEC informou que o calendário ainda não está pronto.

Na ano passado, 7,1 milhões de estudantes inscreveram-se no Enem. Em 2009, o exame passou por uma grande reforma e deixou de ser apenas uma avaliação do ensino médio. Desde então, o exame é adotado como seleção de praticamente todas as universidades e institutos federais, além de ser critério para bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) e do Financiamento Estudantil (Fies). As notas do Enem também servem como certificação do ensino médio e para participação do programa Ciência sem Fronteiras.

Normalmente o Enem é realizado em outubro, mas por causa das eleições de 2014 sua realização foi adiada – o que já aconteceu nos outros anos. O governo não cogita fazer a aplicação antes das votações por dois motivos: seria muito difícil organizar um exame gigantesco como o Enem em menos tempo e não seria prudente correr o risco de, às vésperas do pleito eleitoral, gerenciar alguma falha na organização do exame. O histórico do Enem registra falhas graves nas três primeiras edições, de 2009 a 2011.