• banner bolsa de estudo
  • banner aprovação medicina
  • banner aprovados unicamp
  • banner aprovados

Tira Dúvidas

  • Compartilhar
  • Oficina do Estudante no Facebook
  • Oficina do Estudante no Twitter
  • Imprimir Imprimir

Massacre de Srebrenica

06 de Agosto de 2010

Vi em um telejornal que o Massacre de Srebrenica está completando 15 anos. O que foi esse massacre? Por que ele aconteceu?

A pergunta de Luciana M. Coutinho, de Uberaba, mostra, antes de tudo, que ela é uma estudante atenta ao noticiário – diria que bastante atenta, já que o “aniversário” do maior massacre ocorrido na Europa, desde a Segunda Guerra Mundial, recebeu pouca atenção dos meios de comunicação no Brasil.
A cidade de Srebrenica fica no território da antiga Iugoslávia, na região dos Bálcãs. Ali, entre os dias 11 e 15 de julho de 1995, foram exterminados quase 9 mil bósnios muçulmanos por tropas sérvias, então comandadas pelo tirano Slobodan Milosevic. Portanto, o massacre ocorreu no contexto de fragmentação da antiga República Socialista da Iugoslávia.

A antiga Iugoslávia era um país constituído por grande diversidade étnica-cultural e que só se manteve unido, desde a sua formação ao final da Primeira Guerra Mundial, graças a pressões internacionais. Ao final da 2ª Guerra, o país adotou uma ditadura socialista, que reprimia violentamente qualquer manifestação nacionalista-étnica. Assim, em nome do combate ao capitalismo, os nacionalismos sérvios, bósnios e croatas, para ficar apenas nos mais fortes, foram reprimidos com uso da violência, com a impossibilidade de organização de partidos políticos e com o rígido controle dos meios de comunicação.

Com o fim da experiência do socialismo real, vários grupos nacionalistas começaram a reivindicar autonomia política para as suas regiões. A declaração de independência da Bósnia, em 1992, não foi aceita pelo governo central iugoslavo, então comandado pelos sérvios. Daí o início da chamada Guerra da Bósnia (1992 – 1995), durante a qual foram cometidos absurdos, como o massacre de Srebrenica.

www.oficinadoestudante.com.br


Vi em um telejornal que o Massacre de Srebrenica está completando 15 anos. O que foi esse massacre? Por que ele aconteceu?

A pergunta de Luciana M. Coutinho, de Uberaba, mostra, antes de tudo, que ela é uma estudante atenta ao noticiário – diria que bastante atenta, já que o “aniversário” do maior massacre ocorrido na Europa, desde a Segunda Guerra Mundial, recebeu pouca atenção dos meios de comunicação no Brasil.
A cidade de Srebrenica fica no território da antiga Iugoslávia, na região dos Bálcãs. Ali, entre os dias 11 e 15 de julho de 1995, foram exterminados quase 9 mil bósnios muçulmanos por tropas sérvias, então comandadas pelo tirano Slobodan Milosevic. Portanto, o massacre ocorreu no contexto de fragmentação da antiga República Socialista da Iugoslávia.


A antiga Iugoslávia era um país constituído por grande diversidade étnica-cultural e que só se manteve unido, desde a sua formação ao final da Primeira Guerra Mundial, graças a pressões internacionais. Ao final da 2ª Guerra, o país adotou uma ditadura socialista, que reprimia violentamente qualquer manifestação nacionalista-étnica. Assim, em nome do combate ao capitalismo, os nacionalismos sérvios, bósnios e croatas, para ficar apenas nos mais fortes, foram reprimidos com uso da violência, com a impossibilidade de organização de partidos políticos e com o rígido controle dos meios de comunicação.


Com o fim da experiência do socialismo real, vários grupos nacionalistas começaram a reivindicar autonomia política para as suas regiões. A declaração de independência da Bósnia, em 1992, não foi aceita pelo governo central iugoslavo, então comandado pelos sérvios. Daí o início da chamada Guerra da Bósnia (1992 – 1995), durante a qual foram cometidos absurdos, como o massacre de Srebrenica.

www.oficinadoestudante.com.br

Conheça outras atividades

Saiba Mais