O grupo dos PIIGS é formado por Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha – países com situação econômica mais crítica na zona do Euro (moeda única europeia).."> O que é o grupo dos piigs e o que ele tem a ver com a crise da europa? - Oficina do Estudante - Cursinho Campinas - Pré-vestibular - Colégio Ensino Médio Campinas - o curso que mais aprova nos vestibulares da Unicamp,Fuvest,Unesp,Ufscar,Unifesp.

Tira Dúvidas

  • Compartilhar
  • Oficina do Estudante no Facebook
  • Oficina do Estudante no Twitter
  • Imprimir Imprimir

O que é o grupo dos PIIGS e o que ele tem a ver com a crise da Europa?

18 de Abril de 2012

O grupo dos PIIGS é formado por Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha – países com situação econômica mais crítica na zona do Euro (moeda única europeia). Isso porque houvecerta irresponsabilidade fiscal por parte dos seus governos na última década – gastaram muito mais do que arrecadaram em impostos e aumentaram muito a dívida pública com relação ao PIB.

 

Desde o ano passado, a expectativa geral do mercado internacional é que crescem as chances dos membros do PIIGS deixarem de pagar os juros e serviços de suas dívidas ou ainda não conseguirem honrar o resgate de títulos públicos. Tais expectativas aumentaram ainda mais, após a deflagração da crise na Grécia (cuja economia foitemporariamente “salva” graças a um aporte de capital da União Européia, à renegociação de suas dívidas com seus principais credores e a um amargo e impopular pacote de corte nos gastos públicos).

Envie suas questões para nossa coluna "Tira-Dúvidas", os professores da Oficina do Estudante irão responder suas questões referentes a temas polêmicos, de interesse público e que podem ser temas de questões dos principais vestibulares do Brasil.

Envie para o email:

imprensa@oficinadoestudante.com.br

 


O grupo dos PIIGS é formado por Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha – países com situação econômica mais crítica na zona do Euro (moeda única europeia). Isso porque houvecerta irresponsabilidade fiscal por parte dos seus governos na última década – gastaram muito mais do que arrecadaram em impostos e aumentaram muito a dívida pública com relação ao PIB.

 


Desde o ano passado, a expectativa geral do mercado internacional é que crescem as chances dos membros do PIIGS deixarem de pagar os juros e serviços de suas dívidas ou ainda não conseguirem honrar o resgate de títulos públicos. Tais expectativas aumentaram ainda mais, após a deflagração da crise na Grécia (cuja economia foitemporariamente “salva” graças a um aporte de capital da União Européia, à renegociação de suas dívidas com seus principais credores e a um amargo e impopular pacote de corte nos gastos públicos).


Envie suas questões para nossa coluna "Tira-Dúvidas", os professores da Oficina do Estudante irão responder suas questões referentes a temas polêmicos, de interesse público e que podem ser temas de questões dos principais vestibulares do Brasil.

Envie para o email:

imprensa@oficinadoestudante.com.br